Pet no inverno: 5 dicas para cuidar do seu

O inverno está chegando e aposto que já tem serumaninhos por aí que não estão querendo sair da caminha de jeito nenhum!

Como esta época do ano requer atenção especial no cuidado com os nossos queridos pets, separamos 5 dicas para ajudar o seu cachorro ou gato a ter um inverno mais quentinho!

Alimentação

Cachorro se alimentando no inverno

Como o frio faz com que o seu pet gaste mais energia para manter a temperatura corporal, é sempre bom reavaliar a quantidade de calorias que ele está ingerindo e, eventualmente, aumentar um pouquinho a oferta de comida.

Para pets que comem alimentação natural preparada em casa ou produzida por uma empresa como a Mascote Fit, é recomendável aumentar cerca de 5% da quantidade de comida que normalmente seria servida. Vai depender do pet e da dieta!

Você pode ajudar o seu pet a ficar ainda mais quentinho servindo a comida dele aquecida em banho-maria!

Além de fornecer energia para se manter aquecido, uma boa alimentação ajuda a maximizar a imunidade do seu pet.

Considere uma conversa com o seu veterinário de confiança sobre a eventual troca de dieta e o uso de probióticos e prebióticos para manter a flora intestinal do seu pet em equilíbrio!

Roupinhas

Cachorro com roupinha no inverno

Quem é que não se apaixona por um Pug vestido de Yoda?

Brincadeiras à parte, as roupinhas são um assunto sério e atuam como uma camada de proteção extra para seu melhor amigo.

Raças como os pinschers, galgos italianos, whippets, chihuahuas e outros exemplares caninos de pelos curtos têm dificuldade na hora manter a temperatura corporal nesta época do ano. Da mesma forma, cães filhotes e idosos são mais vulneráveis ao frio do que os adultos. Bora pro guarda-roupa escolher um agasalho!

Atenção especial para os gatos da raça Sphinx (aquele peladinho, sabe?). Tenha sempre um lugar quentinho para ele se aninhar dentro de casa, e use roupinhas para gato para mantê-lo aquecido.

Garrafa d’água, papelão e cobertinhas

Cachorro na caminha no inverno

Seu cachorro dorme fora de casa? Se a resposta for sim, considere forrar a casinha dele com papelão, que atua eficientemente como isolante térmico. 

Caso seja possível, transporte a casinha para locais cobertos ou com pouca perda de calor. 

Uma dica bacana é encher uma garrafa pet com água quente e colocar no meio das cobertinhas (sempre secas) do seu pet antes da hora de dormir. Ele vai amar!

Exercite seu cão dentro de casa

Cachorro brincando

Dá uma preguiça de sair nesse frio pra passear, não é mesmo? Mesmo assim, é importante manter o seu pet com uma rotina de exercícios, brincadeiras e outras atividades físicas.

Uma das melhores brincadeiras para se fazer em um espaço reduzido é o famoso “cabo-de-guerra”! Além de fortalecer o seu laço com ele (independente de quem ganhe), esta brincadeira vai ajudar o seu pet a gastar energia sem precisar de muito espaço para correr.

Atividades de enriquecimento ambiental também são uma ótima forma de desafiar mentalmente o seu pet. Brinquedos recheáveis e de nylon ou petiscos naturais como cascos e chifres bovinos recheados de petiscos são super interessantes para eles. E ajudam a desestressar!

Pele e patinhas ressecadas? Aqui não!

Patinhas de cachorro

Assim como acontece em nós, humanos, o tempo seco e o frio do inverno pode ser prejudicial à pele e às patinhas do seu pet.

Suplementos como o Ômega 3 pet são super recomendados para dar um boost na pele e no pêlo, além de ajudar a combater outros problemas do tempo frio, como a artrite.

Uma outra forma de ajudar no ressecamento das patinhas, orelhas ou do focinho do seu pet é aplicar óleo de coco. Além deles adorarem o cheirinho, este alimento é excelente para pets e serve como um hidratante natural.

O inverno é a época do ano mais propícia para seu cão ficar doente. Lembre-se de sempre manter uma rotina de visitas junto ao seu veterinário de confiança. 

Compartilhe estas dicas com seus amigos que são pais de pets, fique bem agarradinho no seu cão ou gato e aproveite o lado bom que o inverno tem a oferecer!

Sobre o autor do post

Bruno Watanabe

CEO (Cachorreiro empreendedor oficial) e Sócio Fundador da Mascote Fit.

Gosta de cachorro desde os 6 anos, quando ganhou o Rufio de natal. Atualmente, é dono da Pug Laila, que não faz truques por amor, só por comida.

Comentários